terça-feira, 22 de outubro de 2013

Jornal britânico alerta turistas sobre os perigos de vir à Copa do Mundo no Brasil


Imagem: Divulgação
“O lado negro da Copa do Mundo do Brasil: os cartéis de drogas, assassinatos e distúrbios civis”, esse é o título da reportagem do jornal britânico The Mirror, que orienta os turistas ingleses sobre quais cuidados eles precisam tomar quando vierem acompanhar a Copa do Mundo de 2014.
A publicação começa falando sobre as manifestações que estão ocorrendo no País desde junho desde ano. “A violência irrompeu nas ruas do Rio de Janeiro, com anarquistas sequestrando a paz, incendiando carros e travando batalhas com a polícia. Os protestos foram em apoio à greve dos professores e tiveram agitações civis recentes para destacar os gastos do governo com o futebol, em vez da infraestrutura decadente do Brasil.”

Segundo o veículo, os políticos brasileiros estão em pânico com a possibilidade das manifestações arruinarem a Copa e, em seguida, a Olimpíada que acontece em 2016. “Amotinados atiraram coquetéis molotov, pedras, garrafas de vidro e pedaços de madeira contra a polícia, que revidou com gás lacrimogêneo”.

Outros problemas
 
Além dos protestos, o jornal cita outros perigos e problemas do Brasil, como grupos criminosos, drogas e prostituição. A publicação afirma que a facção PCC (Primeiro Comando da Capital) foi responsável pela morte de mais de 100 policiais no ano passado. “Em mensagens interceptadas por investigadores, líderes da gangue fazem ameaças, caso os funcionários das prisões mudem membros encarcerados do cartel para prisões mais duras.”

Porém, mesmo sem considerar os grupos criminosos, o The Mirror afirma que a taxa de homicídios no Brasil mais do que dobrou ao longo das últimas três décadas, sendo que pesquisas mostram que taxa de homicídios era de 27,4 a cada 100 mil habitantes em 2011, ou 134% maior do que os 11,7 de 1980. “Entre 1980 e 2011, 1,2 milhão de pessoas foram assassinadas no Brasil, quase 39% deles tinham entre 14 a 24 anos.”

Por fim, o veículo afirma que são esperados em torno de 15 mil turistas britânicos no evento e o Ministério das Relações Exteriores inglês recomenda que estes fiquem atentos e tomem cuidado, principalmente, quando estiverem próximos a caixas eletrônicos e casas de câmbio.

Yahoo!

Editado e revisado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...