sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Presidência da República gasta R$ 8 mil em cartões de Natal


Imagem: Divulgação
Com a proximidade de ano eleitoral e embalada pelo espírito natalino, a Presidência da República reservou R$ 8 mil para poder distribuir ao menos 4.000 cartões de Natal. A compra está prevista em nota de empenho emitida pela Secretaria de Administração da Presidência no início do mês.

Cada cartão, confeccionado em papel antílope branco e com texto em dourado saiu por R$ 1,45. A compra inclui 3.500 envelopes, ao custo unitário de R$ 0,65. As lembranças são acompanhadas de foto confeccionada em papel couchê fosco, com medidas de 21 x 14,5 cm. A empresa Relevo Gráfica Rafaela é a responsável pela distribuição dos itens.

A distribuição da lembrança já é hábito do órgão máximo do Executivo. No ano passado, R$ 12,2 mil foram gastos na aquisição de 6.000 cartões. Na época, cada cartão saiu por R$ 1,32, sem contar o valor dos envelopes.

Calendários

Com a proximidade de 2014, alguns órgãos já reservaram recursos para a compra de novos calendários. É o caso da Procuradoria Regional da República da 3ª Regão, sediada em São Paulo.

O órgão contratou empresa para o fornecimento de 90 calendários de mesa, ao custo de R$ 2,4 mil. Cada calendário, do tipo comercial, sairá por R$ 27,12. Os itens medem 11,7 x 17,5 cm, possuem cor de impressão cinza e papel com miolo impresso em off set.

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará pretende comprar 1.800 calendários, ao custo unitário de R$ 4,98. A empresa vencedora do pregão para a aquisição dos itens fechou o valor do serviço total em R$ 8,9 mil. Cada calendário aberto tem dimensões de 45 x 20 cm. As “folhinhas” serão confeccionadas em papel off set, de cor branca.

Agendas

Ainda em novembro, o Comando da Aeronáutica gastou R$ 24,4 mil para a contratação de serviço de confecção de agendas de mesa. Foram adquiridas 20.000 agendas, ao custo unitário de R$ 1,22. Cada uma possui mais de 40 páginas, e possui capa em cartão supremo.

O pregão para a compra dos itens também previu a aquisição de 25.000 agendas de mão, ao custo global de R$ 180 mil e de 30.000 calendários de mesa, orçados em R$ 49,2 mil. 

O Jornal de Hoje
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...