segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Aprovação à realização da Copa é a menor em 5 anos


Imagem: J. Duran Machfee / Futura Press
A menos de quatro meses para o início da Copa do Mundo, apenas metade dos brasileiros apoia a realização do evento. É o menor índice registrado desde que a pesquisa Datafolha começou a perguntar sobre o assunto, há pouco mais de cinco anos.

O respaldo à Copa caiu para 52%, percentual bem abaixo do pico de 79% registrado em novembro de 2008, quando o Datafolha iniciou a série a respeito do tema.

Os que se dizem contrários subiram de 10% para 38% no mesmo período. A soma dos que não sabem, são indiferentes ou não responderam caiu de 11% para 9%.

O apoio é mais baixo nas regiões Sul (39%) e Sudeste (44%). Nordeste e Norte/Centro-Oeste têm índices de aprovação acima da média: 64% e 68%, respectivamente.

Também há percentuais acima da média vindo de simpatizantes do PT (63%) e dos que avaliam o governo Dilma como ótimo ou bom (64%).

Imagem: Editoria de Arte/Folhapress

LEGADO

A queda no apoio à realização do mundial de futebol no Brasil ocorre em meio à crescente percepção de que o chamado "legado da Copa" será bem menor do que o previsto, reforçada pelo aumento dos custos ou pelo adiamento de obras ligadas ao megaevento esportivo.

Há vários exemplos de projetos de infraestrutura que foram abandonados pelo caminho. Em 2009, a presidente prometeu um trem-bala ligando São Paulo e Rio até o início da Copa, mas a obra nunca saiu do papel.

Em Manaus (AM), os dois únicos projetos de mobilidade urbana - monotrilho e BRT (Bus Rapid Transit) - foram adiados por tempo indeterminado.

Em julho, cidades como Rio e Belo Horizonte tiveram grandes manifestações em volta dos estádios durante a realização da Copa das Confederações. Os manifestantes exigiam menos investimentos para eventos esportivos e mais dinheiro para áreas como saúde e educação.

Organizada pela Fifa, a Copa do Mundo tem início previsto para 12 de junho. Com jogos em 12 cidades brasileiras, o evento esportivo termina em 13 de julho.

A margem de erro máxima da pesquisa é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. 
 
Fabiano Maisonnave
Folha de S. Paulo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...