domingo, 16 de março de 2014

Governo gasta R$30 milhões para promover programa de voluntários da Copa


Imagem: Reprodução/Tribuna do Ceará
Além dos gastos exorbitantes com os estádios e obras de mobilidade urbana, que sequer ficarão prontas a tempo do Mundial, até voluntários serão bancados pelo poder público. Mesmo com o recorde de 152 mil inscritos para o Programa de Voluntários da Copa do Mundo da Fifa, o governo federal deve gastar este ano R$ 30 milhões com o programa Brasil Voluntário em 2014. 

O valor corresponde à dotação atual do plano “Implementação do programa de voluntariado para a Copa”, que faz parte da ação “Apoio à Realização da Copa do Mundo FIFA 2014”, coordenada pelo Ministério do Esporte. Enquanto o programa sob responsabilidade do Comitê Organizador Local da Fifa (COL) atenderá áreas como estádios, Centros de Treinamento de Seleções e Campos Oficiais de Treinamento, o outro, sob responsabilidade do Ministério do Esporte, será focado no atendimento em aeroportos e pontos turísticos.


Embora a assessoria de imprensa do Ministério do Esporte tenha afirmado que o programa não foi exigência da Fifa, a entidade afirma que “o COL e o Ministério trabalham em parceria desde o início do projeto, trocando experiências e compartilhando informações com o objetivo de oferecer o melhor atendimento para o público”.

Durante a Copa das Confederações, sete mil voluntários participaram da organização do evento em Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Fortaleza, Recife e Salvador, pelo Brasil Voluntário, o que custou R$ 15,2 milhões aos cofres públicos. O programa da Fifa contou com 5.652 voluntários.

Os voluntários que irão atuar na Copa do Mundo vão receber uniforme e alimentação durante a atuação no evento. O governo também banca seguro de vida e o transporte dentro da cidade-sede. Mas, de acordo com o Ministério do Esporte, os custos só são garantidos a cada dia de atuação e apenas no perímetro da cidade.

O Ministério do Esporte se limitou a dizer que o custo final depende da finalização de processos de contratação ainda em curso, e que “não é possível neste momento definir de maneira precisa quanto será gasto”.

Leia também: 


Para participar do Brasil Voluntário é necessário ter mais de 18 anos e disponibilidade para atuar no mínimo sete dias, seguidos ou intercalados, em turnos de 4 horas diárias. A seleção também levará em conta a participação nos treinamentos virtual e presencial (assiduidade e desempenho), perfil compatível com a área de atuação e número de vagas em cada área de atuação. Serão disponibilizadas até 1.500 vagas em cada sede do torneio: Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

Veja também: 

Com Marina Dutra, Contas Abertas
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...