quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Com morte de Campos, Dilma cancela agenda de campanha


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A presidente Dilma Rousseff determinou o cancelamento de todas as atividades de sua campanha previstas para esta quarta-feira (13) nos Estados e reuniões em Brasília. O comitê da presidente na capital federal vai encerrar as atividades, segundo a assessoria da campanha petista. 


A determinação ocorreu em função da morte do candidato à Presidência Eduardo Campos (PSB), hoje, em um acidente aéreo. 

Integrantes da campanha de Dilma estão em estado de choque com a notícia. Segundo interlocutores do Planalto, Dilma deverá ir a Pernambuco com o ex-presidente Lula. 

Leia também: 

ACIDENTE 

O candidato do PSB à Presidência, Eduardo Henrique Accioly Campos (PSB), morreu na manhã desta quarta-feira (13) na queda de uma aeronave em Santos, na litoral sul de São Paulo. Campos havia completado 49 anos no último dia 10 de agosto. Campos morreu no mesmo dia em que o avô Miguel Arraes. 

A aeronave teria partido do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP). O acidente aconteceu na rua Vahia de Abreu, no bairro do Boqueirão, região central de Santos. Além de Campos, há mais seis mortos, segundo a Aeronáutica. 

De acordo com nota da Prefeitura de Santos, ao menos sete ficaram feridas, mas já foram encaminhadas ao hospital e não correm risco de vida. Elas não estavam na aeronave.

Andréia Sadi
Folha de S. Paulo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...