segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Mercado aprova Marina como antídoto contra Dilma e Bolsa de Valores dispara mais de 2%


Imagens: Ueslei Marcelino e Alexandre Moreira/O Popular
O aumento da tensão na Ucrânia e a retração de 1,2% no Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) do segundo trimestre não foram suficientes para desanimar o mercado financeiro, que, conforme analistas, vê com bons olhos o nome de Marina Silva ganhar força para substituir Eduardo Campos na corrida presidencial. O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, encerrou com alta de 2,12% nesta sexta-feira, aos 56.936 pontos.


Leia também:

No início do pregão, os investidores brasileiros repercutiram a informação de que a artilharia ucraniana havia destruído uma coluna de blindados russos que atravessou a fronteira entre os países durante a madrugada. O ataque, confirmado pelo presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko, ao primeiro-ministro da Inglaterra, David Cameron, aumentou a tensão geopolítica na região e afetou as principais bolsas internacionais, que fecharam com queda. O mercado teme que a escalada do conflito impacte a economia global.

O cenário no mercado brasileiro se inverteu na medida em que aumentou a expectativa de que a vice na chapa de Eduardo Campos, morto em acidente aéreo na quarta-feira, assuma a frente na a disputa presidencial. Os analistas avaliam que a presença dela aumentaria as chances de um segundo turno no pleito. Como consequência, os papéis da Petrobras — estatal mais influenciada pelas mudanças no cenário eleitoral — subiram mais de 7% e foram os destaques do pregão.

Veja também:

Logo após o acidente com Campos, o mercado cogitou que cairia a possibilidade de umas segunda etapa nas eleições, com Dilma Rousseff (PT) ganhando logo no primeira turno. A gestão econômica do governo da presidente tem sido criticada por analistas e investidores, principalmente pelas intervenções nas empresas estatais.

ZH Economia
15/08/2014
Editado por Folha Política
Leia mais notícias do poder e da sociedade em Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...