domingo, 19 de outubro de 2014

Atriz Nicette Bruno desmente falsas afirmações de petistas; assista ao vídeo


Imagem: Reprodução/Youtube
A atriz Nicette Bruno desmentiu, por meio de vídeo publicado nas redes sociais, a afirmação de que ela atacaria o candidato Aécio Neves. De acordo com ela, trata-se, como se desconfiou na internet, de boatos espalhados por militantes e simpatizantes do PT, não havendo qualquer relação com a realidade. Nicette ressalta, ainda, que, além de não criticá-lo, votará nele. Tudo teve origem por meio de uma conta falsa no Twitter, a qual, usando seu nome e imagem indevidamente, bradava contra Aécio Neves. Veja:




Veja o relato de Lu Lacerta, do iG:

Avisada por amigos, a atriz Nicette Bruno acaba de ter uma surpresa desagradável. Em conta falsa, criada com o perfil @NiceteBruno no Twitter, ela aparece desancando o candidato à presidência da República Aécio Neves. Entre outras coisas, seu clone eletrônico brada: “Por favor não votem nesse ser humano para presidente, o Brasil não merece alguém como Aécio Neves. Não merecemos isso!” Beth Goulart, filha de Nicette, telefonou imediatamente para o advogado Ricardo Brajterman, que vai tomar as providências legais para retirada da conta do ar. Para quem conhece um pouco mais a fundo a  atriz nascida em Niterói, fica evidente, logo na apresentação do perfil, que a falta de modéstia não combina com seu jeito. Lá está escrito: “Atriz espírita e apaixonada pela vida, tenho mais de 40 novelas no top de audiência e desde 1963 tenho o Brasil aos meus pés”.

Veja também:

“Sou o tipo da pessoa que jamais falaria qualquer coisa contra qualquer tipo de candidato”, conta Nicette. “Sempre recebemos altas ofertas para participarmos de campanhas, mas nunca aceitamos”, acrescenta. Nesse caso, no entanto, a atriz, sempre discreta, resolveu declarar seu voto, devido às circunstâncias: por uma coincidência irônica, seu candidato é o tucano e mineiro Aécio.


Nicette pediu à neta Vanessa, que cuida do seu perfil verdadeiro no Twitter, que retire também essa conta do ar, mantida exclusivamente para divulgar as peças produzidas pelos Goulart para serem apresentadas em universidades, com o objetivo de formação de plateias. “Estamos rodeados de pessoas não confiáveis”, desabafa.

Lígia Ferreira
Folha Política
Editado por Folha Política
Leia mais notícias do poder e da sociedade em Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...