quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Fundadora do PT que disse odiar a classe média recebe R$23 mil por mês dos cidadãos brasileiros


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
Recentemente, foram divulgados os salários de todos os professores da Universidade de S. Paulo. Não foram poucas as pessoas que consultaram imediatamente os vencimentos da Profa. Dra. Marilena Chauí. Seu salário vem sendo publicado por internautas nas redes sociais e extensamente comentado. 

As razões de tanta curiosidade são exploradas no artigo de Rodrigo Constantino na Veja.


Leia abaixo o artigo de Constantino: 
Caro leitor, sei que já deve ter visto esse vídeo, mas nunca é demais revê-lo:



Temos aí uma das filósofas mais importantes do petismo, uma “intelectual” que ajudou a “vender” a imagem de Lula como um salvador da Pátria, como um ex-operário que iria finalmente fazer “justiça social” no Brasil. Quando Lula fala, o mundo se ilumina para Marilena Chaui.
Leia também:
Danilo Gentili diz que Brasil está sob risco de implantação de comunismo bolivariano; assista ao vídeo
Documentos do governo dos EUA afirmam que Dilma roubou bancos no período militar
Jornalista denuncia a cobertura tendenciosa da imprensa, que não vê protesto contra Dilma
Vídeo mostra como Hugo Chávez mentiu sem pudores para chegar ao poder; assista
'O STF corre o risco de tornar-se uma corte bolivariana, isso tem de ser denunciado', diz ministro Gilmar Mendes
Ela diz que odeia a classe média, que ela é o que há de mais reacionário, fascista, conservador (como se fossem sinônimos). Enquanto diz isso, Lula sorri ao lado, acha graça. A classe média, afinal, não tem tempo para ser “revolucionária” e “progressista”, para defender utopias socialistas, pois está ralando para pagar as contas do fim do mês e ainda os impostos que bancam as farras dos políticos e seus companheiros.

Agora vejam isso:


Esses são os rendimentos mensais de Marilena Chaui na USP, obtidos pelo ranking de salários da universidade divulgado pela Folha. Quantos brasileiros ganham mais de R$ 20 mil por mês? Quantos da classe média poderiam ter esse luxo para dar aulas de filosofia e repetir para os alunos que a classe média é fascista?
A USP está quebrada. Deve ter um rombo de quase R$ 1 bilhão em 2015, sendo que R$ 845 milhões serão apenas com a folha de pagamento. A universidade vem perdendo lugar no ranking internacional, e não se encontra mais entre as 200 melhores do mundo. Mas os salários dos professores…
Agora entendem os motivos pelos quais esses “intelectuais” defendem tanto o modelo estatizante e esquerdista? Em que outro regime poderiam ganhar mais de R$ 20 mil mensais para criticar o capitalismo, a ganância, o lucro e a classe média?
No capitalismo de livre mercado, o mérito e as escolhas voluntárias são fundamentais. Marilena Chaui odeia isso. Ela quer elogiar a revolução marxista e encher a cabeça dos jovens com baboseira socialista, enquanto vai para casa com mais de R$ 20 mil por mês. Quem paga a conta? A classe média “fascista” e “reacionária”, claro!

Veja também: 


Luciana Camargo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...