sábado, 1 de novembro de 2014

PT faz de tudo para afastar o juiz Sérgio Moro da apuração de corrupção na Petrobras, afirma Aluizio Amorim


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
Aluízio Amorim, em seu blog, denuncia a existência da "operação mãos-sujas", por meio da qual o PT estaria fazendo tudo a seu alcance para afastar o juiz federal Sérgio Moro das investigações da operação Lava Jato. 

Segundo o jornalista, a operação para afastar o juiz conta com a cooperação de parte da imprensa brasileira

Leia abaixo o texto completo de Aluizio Amorim: 


Cinco dias depois da controvertida reeleição da 'presidenta' do PT, a revista Veja chega às bancas como mais uma reportagem-bomba. Desta feita revela com exclusividade tudo aquilo que a maioria dos jornalões e a famigerada Rede Globo esconde dos leitores e telespectadores brasileiros, ou seja, a operação mãos-sujas, com a qual a turma do PT, leia-se Lula, Dilma e seus sequazes, tenta desesperadamente melar o processo judicial em curso a partir da Operação Lava Jato, que fez estourar o maior escândalo de corrupção da história do Brasil dentro da Petrobras.
Leia também:

O PT reúne neste momento todas as suas forças para tentar afastar o Juiz Federal Sérgio Moro, responsável pelo processo popularmente conhecido como "petrolão", que apura a fabulosa roubalheira na Petrobras.
O desespero é tanto que os black blocs do PT, na véspera da eleição deste segundo turno, atacaram a sede da revista Veja, tentando de todas as formas evitar que chegasse às bancas a edição da revista do final da última semana, quando a matéria de capa revelou delação do doleiro do PT afirmando que Lula e Dilma sabiam de tudo que se passava na Petrobras (foto abaixo).
O doleiro Youssef, o operador do petrolão, o pagador das propinas que eram encaminhadas em dinheiro vivo por meio de jatinhos e carros-fortes, entregou o Lula e a Dilma, no seu depoimento no regime de delação premiada. Logo em seguida, de forma misteriosa, Youssef sentiu-se mal e foi internado num hospital em Curitiba, mas já teve alta e voltou para carceragem da Polícia Federal na capital paranaense onde rola o inquérito. Nos próximos dias deverá continuar a depor.
Lula e Dilma ficaram endiabrados e tentaram por via judicial impedir a circulação da revista, pedido denegado pela Justiça. O ato seguinte foi mobilizar os seus jornalistas de aluguel na Folha de S. Paulo, Estadão, Rede Globo e outros menos vistosos, que a partir de então vêm propalando mentiras e tentando confundir a opinião pública; tentando desqualificar a delação feita pelo doleiro que incrimina Lula e Dilma e, principalmente, a reportagem de Veja.
Coube ao jornal o O Globo a vergonhosa missão e propalar uma mentira sobre o fato para livrar as caras da Dilma e do Lula. Porém nesta quinta-feira, foi obrigado a se retratar. Este é o nível da grande mídia brasileira, toda ela também aparelhada pelo PT, sem contar que a maioria dos próprios jornalistas, que são militantes do PT, mentem por sua própria conta e são bem vindos por gente como Otávio Frias, o dono da Folha e pelos Marinho, os donos da Rede Globo. E precisou que a Veja fosse atacada pelos terroristas do PT, para que então o Jornal Nacional desse a denúncia que fora capa de Veja um dias antes.
Vejam os caros leitores que o que venho denunciando há alguns anos aqui neste blog se confirma agora com todas as letras. Folha, Estadão, Rede Globo constituem lixo jornalístico. São usinas de mentiras e manipulações dos fatos em favor de Lula, Dilma e seus sequazes.
Leia também:

Além da turma do PT, fazem parte da "operação mãos-sujas" pessoas graúdas do meio empresarial, aquilo que se poderia qualificar de "nova elite bolivariana" da ditadura petista. Na Venezuela denominam esses mega empresários ligados ao governo de "boliburgueses" (burgueses bolivarianos), são aqueles ricos, obesos e famosos capitalistas que voam como moscas varejeiras ao redor do governo do tiranete assassino Nicolás Maduro. Aqui varejam com voos rasantes sobre o Palácio do Planalto, os cofres do BNDES e o tal instituto Lula.
Informa a reportagem-bomba que advogados, empreiteiras e políticos envolvidos no escândalo do petrolão se dedicam a divisar um plano para torpedear o processo da Operação Lava Jato e desqualificar o juiz encarregado do caso, Sérgio Fernando Moro. Essas moscas varejeiras estudam meios de impugnar o juiz sob a acusação de que teria coagido o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e o doleiro Alberto Youssef a tentar a delação premiada.
Portanto, está aí mais um espetacular furo de reportagem da revista Veja, a única publicação da grande mídia brasileira que tem confiabilidade. Se os leitores querem estar bem informados, assinem a Veja e acessem o seu site. Se desejam programas de TV de política, vejam de graça a TVeja no site da revista que é mil vezes melhor do que a Globo no que respeita às análises políticas. Já nem me refiro às outras que são notórias porcarias.
Por tudo isso a edição de Veja que chega às bancas neste sábado é imperdível.
Ah! Ainda tem, de quebra outra ótima reportagem: o manual de sobrevivência para o mandato da Dilma. 
Finalmente, uma entrevista exclusiva com o Senador Aécio Neves. Boa leitura.
Veja também: 



Luciana Camargo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...