quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Jornal relata que Lula e Dilma são os próximos 'alvos' da Lava Jato e que prisão e impeachment serão o foco


Imagem: Reprodução/Redes Sociais
Uma matéria do site Brasil 247, comumente apontado como alinhado ao governo petista, gerou repercussão nas redes sociais ao afirmar que os próximos "alvos" da Operação Lava Jato seriam Lula e Dilma.

Segundo o artigo, o "objetivo da força-tarefa comandada pelo juiz federal Sergio Moro é obter elementos para a eventual prisão do ex-presidente Lula e o impeachment da presidente Dilma Rousseff". Leia abaixo e comente:

Reportagem da revista Veja do último fim de semana evidencia o propósito da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, em sua nova fase. O objetivo da força-tarefa comandada pelo juiz federal Sergio Moro é obter elementos para a eventual prisão do ex-presidente Lula e o impeachment da presidente Dilma Rousseff.

De acordo com a reportagem, assinada pelos jornalistas Rodrigo Rangel, Robson Bonin e Bela Megalle, o juiz Moro corre para soltar até março as primeiras sentenças de prisão dos empreiteiros que estão reclusos preventivamente há quase três meses no Paraná.
Uma vez condenados, eles terão mais dificuldades para recorrer em liberdade e poderão passar vários anos atrás das grades – uma ameaça velada que tem sido repetida no cárcere paranaense. Nesse ambiente de terror, a aposta é que alguns empreiteiros farão delações premiadas. E o objetivo dos investigadores é chegar ao ex-presidente Lula e também a Dilma Rousseff.
Por isso mesmo, um dos focos é tentar obter uma delação premiada da empreiteira baiana OAS, tida pela força-tarefa da Lava Jato como uma das mais próximas ao ex-presidente Lula.
A reportagem relata desabafos de personagens como José Adelmário Pinheiro, o principal executivo da empreiteira, e de Agenor Medeiros, seu diretor internacional. No entanto, aponta que o personagem escolhido pela OAS para fazer sua delação premiada é Ricardo Breghirolli, que seria o "homem da mala" da OAS.
A mesma reportagem também cita o caso da prisão de José Sócrates, ex-primeiro-ministro português, evidenciando que o objetivo é constranger o ex-presidente Lula, que é também pré-candidato do PT à presidência da República em 2018.
Em outra frente, aposta-se também na delação premiada do empresário Ricardo Pessoa, acionista da UTC Engenharia. Neste caso, com o propósito de atingir a presidente Dilma Rousseff. Segundo o texto, Pessoa estaria estudando vincular doações oficiais à campanha de 2014 a empréstimos oficiais. De acordo com a reportagem, o atual presidente do BNDES, Luciano Coutinho, teria sinalizado que faria um financiamento a uma empresa do grupo, mas alertou que Pessoa seria visitado logo depois por Edinho Silva, tesoureiro do PT – Coutinho nega.
A revista também relata que o jurista Ives Gandra Martins foi contratado por um pool de empreiteiras para produzir um parecer em que defende o impeachment da presidente Dilma Rousseff. Gandra diz ter sido contratado por um advogado amigo.
A mesma reportagem também envolve o ex-ministro Antonio Palocci. O motivo é a atuação de Juscelino Dourado, um dos seus braços direitos, na empresa Estre Ambiental, controlada pelo BTG Pactual, que, segundo Paulo Roberto Costa, também teria pago propina a ele. O clima esquenta e os novos alvos da Lava Jato são Lula e Dilma. (Brasil 247)
Vídeos relacionados




Veja também:

'O PT começou a morrer', diz jornalista
'O fim do PT está próximo', diz historiador
Lula tem 'plano B' para derrota de Dilma, relata jornalista
'Temos censura que não tivemos nem na ditadura. Esperava o PT ético, mas abriu os caminhos do roubo', diz Antônio Fagundes
'A única resposta dos petistas é te acusar de ser do PSDB', diz Danilo Gentili
Wagner Moura faz severas críticas ao PT e avisa que deixará o país
Dias antes de morrer, José Wilker gravou vídeo criticando políticos brasileiros; assista
Rapper Eduardo, ex-Facção Central, faz duras críticas a Lula e Dilma; veja o vídeo
Paulo Coelho se diz decepcionado com Copa e detona Ronaldo: 'imbecil'
"Nunca tinha passado por uma traição e o PT me traiu", disse Irene Ravache
Jornalista acusa 'Black Blocs' de serem 'milícia informal montada pelo PT' e gera polêmica; veja vídeo
Em vídeo, universitários fazem juramento de nunca votar no PT; assista
PT processa blogueira que chamou partido de ‘quadrilha’ e pede R$50 mil por danos morais; veja vídeo que deu ensejo ao processo
PT censura, na Justiça, vídeo de nordestino que dá 'lição de moral' em Lula e Dilma
'Não votem no PT, não se deixem enganar!', gritam policiais federais em protesto; assista
Delegado se revolta e desabafa contra o PT; assista ao vídeo

Veja também:
Oscar Schmidt faz duras críticas a Lula, ao PT e defende a pena de morte no Brasil; veja o vídeo
Envolvimento de Eike Batista com o governo do PT pode gerar escândalo muito maior que o Mensalão
Manifestantes queimam bandeira do PT; assista ao vídeo
'Tenho vontade de registrar este texto em cartório, para depois mostrar aos eleitores da Dilma', diz Jabor em artigo polêmico
Fundador do PT faz graves denúncias contra o Bolsa Família e o PT; assista
Site lista 13 momentos em que o PT censurou jornalistas, políticos e o próprio povo brasileiro

Lígia Ferreira
Folha Política
Editado por Folha Política
Leia mais notícias do poder e da sociedade em Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...