quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Líder do governo de Dilma disse que ia calar a mídia à força depois das eleições; relembre


Imagem: Reprodução / Youtube
Em entrevista gravada para o site do PT, o novo líder do governo da presidente Dilma, deputado federal José Guimarães (PT-CE), disse que após as eleições o partido iniciaria o processo de “regulamentação das comunicações”, “quer queiram, quer não queiram”. 


A declaração pode ser vista no vídeo abaixo.


De acordo com o parlamentar, o partido teria sido vítima de uma “ação orquestrada pela mídia”. A crítica referia-se à reportagem publicada pela revista Veja que associou Lula ao crime do mensalão. Guimarães disse ainda que a situação “foi além do limite”, e que, por causa disso, o PT teria que enfrentar a questão pelo controle dos conteúdos emitidos.

Leia também: 
Jornalista do SBT denuncia como o governo está censurando a TV e afirma: 'Generais, honrem as calças!'; veja
Liberdade de imprensa está em perigo, alerta o jurista Ives Gandra Martins

O deputado, que é irmão do mensaleiro José Genoino, ficou mais conhecido por um episódio em que seu assessor foi preso com dinheiro escondido na cueca. 


Veja também: 




Luciana Camargo
Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...