segunda-feira, 22 de junho de 2015

Revista Época disponibiliza ao público os documentos que o Itamaraty quis esconder e pede ajuda


Imagem: Reprodução
Quando a revista Época solicitou ao Itamaraty documentos relativos às relações entre Lula e a Odebrecht, houve uma tentativa de burlar a lei reclassificando os documentos para que permanecessem em sigilo por mais dez anos. Segundo memorando interno que vazou, o órgão deveria reclassificar documentos porque eles foram solicitados por um jornalista que já tinha produzido reportagens sobre o envolvimento do ex-presidente Lula com a Odebrecht. 


Após o vazamento desse memorando, o Itamaraty anunciou que divulgaria os dados solicitados. 

Leia também: 

No entanto, os documentos foram disponibilizados de forma impressa, para que a revista fotografasse, o que dificultou sobremaneira a análise de seu conteúdo. Por isso, o jornalista Filipe Coutinho decidiu pedir ajuda à população. Divulgou os conteúdos e pede aos leitores que colaborem na análise. 

Os conteúdos estão disponíveis nos links abaixo: 


A revista forneceu as seguintes instruções para leitura: 

Após fornecer a ÉPOCA toda a documentação em papel, para fotografar, o Itamaraty atendeu aos sucessivos pedidos de veículos de imprensa e disponibilizou os arquivos digitalizados, de maneira organizada. São três arquivos em PDF. O primeiro (parte 1) é formado por documentos que foram "escaneados" e não é possível fazer buscas por palavras. No segundo e no terceiro (parte 2 e parte 3 abaixo), o texto pode ser selecionado e podem ser feitas buscas no conteúdo.


Veja também: 

     

Luciana Camargo
Folha Política
Leia mais notícias do poder e da sociedade em Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...