segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Comandantes militares se reúnem com generais para abordar ação dos militares no contexto político atual


Imagem: Reprodução
Os comandantes do Exército, da Marinha e da Aeronáutica reuniram-se, nesta segunda-feira, com os presidentes dos três respectivos Clubes Militares - entidades privadas destinadas a congregar militares da reserva e presididas por membros de alta patente - para discutir a situação política brasileira e a participação dos militares na resolução da crise política.

Os oficiais crêem que a reunião se fez necessária devido à grave instabilidade institucional que perpassa o país. Realizado a portas fechadas e sem a presença de outros membros, o encontro discorreu a respeito da crise no Governo Federal e da iminência de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Avalia-se que a crise pode ser agravada com a retirada da presidente, sobretudo por ações, inclusive violentas, de movimentos  e entidades ligados ao PT, tais como MST, MTST e CUT.

No ensejo, os militares decidiram que irão se abster de qualquer ação opinativa ou valorativa a respeito dos resultados dos trâmites constitucionais. “Decidimos pela legalidade. Se a Dilma vai sair ou não, qualquer que seja o resultado, os militares exercerão o seu papel constitucional de garantir a lei, a ordem e a segurança dos cidadãos, seguindo sua função de servir à pátria e aos preceitos constitucionais”, afirmou um oficial ligado ao Alto Comando. 

A reunião ocorreu na Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, e, após a sua conclusão, os presidentes dos clubes firmaram o compromisso de repassar os resultados a todos os seus membros. Os três comandantes das Forças Armadas retornaram, em seguida, para Brasília.


Vídeos relacionados




Leia também: 
Dilma tira poderes de comandantes militares e gera polêmica e conflito
Coronel diz que Brasil está prestes e viver guerra civil inevitável, culpa Lula e prevê encadeamento dos fatos; veja vídeo
Generais respondem a presidente da CUT: 'Cuidado com a língua, o Brasil só tem um Exército e qualquer grupo armado terá de enfrentá-lo'
General critica ministro da Defesa de Dilma por declarações sobre o MST: 'antiético e imoral'
Coronel Moézia gera polêmica ao dizer que agora é hora de 'radicalizar' contra o PT
General chama petistas de ‘vendilhões corruptos’ e afirma: ‘O Brasil tem dono. É o povo brasileiro’; veja vídeo
General critica o Governo Dilma e exalta o Regime Militar em palestra no Clube Militar
PT e filho de Zé Dirceu propõem que quem pedir intervenção militar seja preso
Generais se posicionam a favor do impeachment de Dilma: 'Collor foi afastado por muito menos'
Coronel chama Dilma de ‘chefe de quadrilha’ e diz que está disposto a dar a vida em luta armada contra guerrilheiros do PT; veja vídeo
General Rômulo Bini responde a ameaça de Lula e alerta: 'As Forças Armadas estarão à frente'
General chama Lula de 'hiena desesperada' e responde a ameaça: 'Vamos encarar e ir à luta'
General diz que atitude de novo ministro da Defesa de Dilma é imperdoável
Marcha pedindo impeachment de Dilma e intervenção militar finaliza na Praça da Sé, veja imagens
Exército brasileiro possui munição para uma hora de guerra
Comando Militar do Sudeste descobre que Cuba infiltrou militares no Mais Médicos
Bolsonaro diz que há exército de cubanos no Brasil e que poderá haver derramamento de sangue; assista ao vídeo
General Paulo Chagas pronuncia-se contra o PT, expõe planos do partido e atinge milhares de pessoas; veja
'Não acredito nas lágrimas de crocodilo da terrorista que governa este país', diz general Arlenio Souza da Costa
FHC critica 'Marcha da Família' e diz que 'população não quer mudar o regime' 
Coronel Moézia chama comandantes militares de covardes e traiçoeiros

Redação
Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...