quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Manifestantes comemoram impeachment na Av. Paulista e motoristas fazem buzinaço


Imagem: Artur Rodrigues/Folhapress
"Vai ter impeachment, vai ter impeachment", gritava um grupo cerca de 30 pessoas vestindo verde-amarelo por volta das 20h, no Masp.

Parados no trânsito, motoristas retribuam com buzinas e acenavam bandeiras. Alguns improvisavam a comemoração com agitando bandeiras e uniformes do Palmeiras.

Morador dos arredores, o bancário Eduardo Mello, 43, pegou uma miniatura do boneco Pixuleco e correu para o Masp assim que soube da notícia.


"Foi uma surpresa. Tinha receio que rolasse um acordão para a Dilma e o Cunha se salvarem", disse. Para ele, o desenrolar do processo depende da economia.

Leia também: 
Cunha dá coletiva e avisa que pretende aceitar pedido de impeachment

Os militantes do MBL (Movimento Brasil Livre) foram os primeiros a chegar, com instrumentos e canções já conhecidas pelos militantes do impeachment.

"A gente já tinha notícia de que o pedido seria acatado hoje e é uma notícia maravilhosa, resultado do trabalho institucional que a gente vinha trabalhando", disse o ativista Kim Kataguiri, um dos líderes do grupo. O movimento ajudou a organizar e manter um acampamento em em frente ao Congresso Nacional para exigir que o pedido de impeachment tivesse seguimento.

"A gente está bastante esperançoso e agora o papel é das ruas de pressionar os parlamentares a conseguir os dois terços [dos votos] da Câmara", afirmou Kataguiri. Será necessário o apoio de pelo menos 342 dos 513 deputados federais para que o processo seja aberto.

Veja também: 






 





Artur Rodrigues
Folha de S. Paulo
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...