quarta-feira, 30 de março de 2016

CCJ aprova convocação de ministro para explicar ameaças à Polícia Federal


Imagem: Reprodução / Veja
A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou hoje (30) a convocação do ministro da Justiça, Eugênio Aragão, a dar explicações sobre as ameaças de intervenção feitas assim que assumiu o ministério.

O autor do requerimento, senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), acusou o ministro de tentar esvaziar as investigações e lembrou que na declaração, Aragão disse não ser necessário ter provas para acusar agentes de vazamento de informações. "Cheirou vazamento de investigação por um agente nosso, a equipe será trocada, toda. Não preciso ter prova", disse o ministro à imprensa.

Ferraço acrescentou que nas gravações de escutas telefônicas tornadas públicas o ex-presidente Lula disse que o novo ministro deveria ter “pulso firme” e ser “homem” para coibir ações da PF e do Ministério Público. “É fundamental que a CCJ verifique a ameaça de esvaziamento da operação que está mudando o Brasil”, observou o parlamentar.

Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...