terça-feira, 22 de março de 2016

Vice-presidente do Corinthians recebeu 500.000 em propinas na obra do Itaquerão


Imagem: Reprodução / Veja
O corrupto de codinome “Timão” e senha “alface” recebeu da Odebrecht 500 mil reais em propinas pela obra da Arena do Corinthians.

No relatório da Polícia Federal, “Timão” é identificado como André Luiz de Oliveira: “É dirigente do Corinthians, o que justificaria, portanto, a utilização do codinome “Timão”, diz a PF.
Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...