segunda-feira, 9 de maio de 2016

Decisão de anular impeachment deve ser revertida por não ter base legal, avaliam deputados


Imagem: Luis Macedo / Câmara dos Deputados
O presidente interino da Câmara dos Deputados Waldir Maranhão anulou a sessão da Câmara que votou o impeachment da presidente Dilma Rousseff e também toda a tramitação do processo.

Segundo parlamentares ouvidos pelo Blog, ele acolheu um recurso apresentado pela Advocacia-Geral da União que pedia a anulação do impeachment e que não havia sido despachado pelo presidente afastado Eduardo Cunha.
Leia também: 

Segundo interlocutores de Cunha, ele decidiu segurar o pedido da AGU para evitar recursos no STF.

Apesar da decisão de Waldir Maranhão desta segunda-feira, a avaliação de aliados é que o cancelamento deverá ser revertido, por não ter base legal, já que a votação do impeachment foi tomada em votação da qual participou toda a Câmara.

Veja também: 

 


 




Gerson Camarotti
Blog do Camarotti
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...