terça-feira, 24 de maio de 2016

Mulher de senador Telmário é mesmo foragida da Justiça, como acusou Jucá


Senador Telmário Mota e a esposa , condenada a 6 anos e 8 meses de reclusão
Imagem: Reprodução / DP
O ministro Romero Jucá (Planejamento) atacou o senador Telmário Mota (PDT-RR) durante entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira (23) no Senado. Questionado sobre o pedido de cassação que Mota anunciou que representaria contra o ministro, Jucá rebateu dizendo que “Telmario deveria representar contra a mulher dele, que é foragida da polícia”.


Leia também: 

A mulher de Mota, a médica Suzete Macedo de Oliveira, teve a prisão decretada por envolvimento no "escâncalo dos gafanhotos", descoberto pela Polícia Federal na Operação Pragas do Egito, deflagrada em 2003. Suzete foi condenada a seis anos e oito meses de reclusão, a defesa da mulher do senador tentou um habeas corpus preventio no Tribunal Regional Federal da 1ª  Região, mas teve o pedido negado. O esquema de corrupção em que a mulher de Telmário se envolveu era chefiado pelo então governador Neudo Campos e consistia no rateio de dinheiro público acumulado com os salários de 6 mil servidores fantasmas, os chamados "gafanhotos".

Veja também: 

 

 

Rodrigo Vilela
Diário do Poder
Editado por Folha Política
Leia mais notícias do poder e da sociedade em Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...