quarta-feira, 4 de maio de 2016

Senadora comunista Vanessa Grazziotin foi a mais cara do Congresso em 2015


Imagem: Agência Senado
A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) foi a mais cara do Congresso em 2015: a única parlamentar que gastou mais de meio milhão de reais da cota parlamentar. No total, os 81 senadores gastaram R$ 22,8 milhões ao longo do ano. De acordo com o Portal da Transparência do Senado, Grazziotin gastou R$ 506.385,65 mil.


Em seguida, aparecem João Capiberibe (PSB-AP), Telmário Mota (PDT-RR), José Pimentel (PT-PI) e Sérgio Petecão (PSD-AC).

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) foi o mais barato aos cofres públicos em 2015, gastando menos que colegas que só ficaram um mês na casa.

Leia também: 

Buarque só pediu reembolso de R$ 11.400 de sua cota parlamentar, menos que 12 dos senadores que não se reelegeram em 2014, e usaram a verba apenas em janeiro, e do que dois suplentes que não passaram mais de três meses trabalhando.

Vanessa gastou R$ 56.680,50 com aluguel de imóveis para escritório político, R$ 2.992,90  com aquisição de material de consumo, R$ 119.535,34 com locomoção, hospedagem, alimentação, combustíveis, R$ 5.000 com contratação de serviços de apoio ao parlamentar, R$ 199.985,42 com divulgação da atividade parlamentar e R$ 122.191,49 com passagens aéreas, aquáticas e terrestres nacionais.

Veja também: 




D24AM
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...