segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Cartola das Olimpíadas comete gafe e diz que o Brasil tem as mesmas cores do Comunismo; veja


Imagem: Reprodução
O presidente do Comitê Organizador Rio-2016, Carlos Arthur Nuzman, cometeu uma gafe em seu discurso na Cerimônia de Encerramento dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, na noite deste domingo (21), ao dizer que a bandeira brasileira é vermelha e amarela. 



Assista: 


Leia também: 
Depois do Exército e da Marinha, Aeronáutica cassa as medalhas de Dirceu e Genoino

Ao longo de seu pronunciamento, Nuzman fez questão de mostrar seu orgulho pela realização das competições. Em determinado momento, agradeceu aos torcedores brasileiros pelo apoio.

“Todos os brasileiros nos Jogos Olímpicos vibramos juntos e vencemos juntos. Essas Olimpíadas provaram que um filho do Brasil não foge à luta. Vocês coloriram o Brasil de verde e amarelo”, disse.

O problema é que Nuzman fez o discurso alternando trechos em português e respectivamente traduzindo-os para o inglês. E ao traduzir o “verde e amarelo”, traduziu para “red and yellow”, ou “vermelho e amarelo” em inglês.

Veja também: 






Pedro Ivo Almeida
UOL
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...