domingo, 21 de agosto de 2016

Funcionários do Alvorada se recusam a gravar elogios a Dilma e preferem se demitir


Imagem: ABr
Na tentativa de melhorar a imagem de Dilma Rousseff, o que resta de sua assessoria bolou um “plano genial”: gravar funcionários do Palácio da Alvorada elogiando a presidente ré, musiquinha de fundo, com depoimentos destinados a “emocionar” os brasileiros. Mas deu errado. Cansados dos seus gritos e grosserias, todos se recusaram a gravar os pretendidos elogios. A estratégia era divulgar o vídeo nas redes sociais. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.


Leia também: 

A assessoria de Dilma até solicitou equipe da TV pública, paga pelo contribuinte, para gravar “depoimentos emocionados” em favor dela.

Muito pressionada a gravar depoimento elogiando a presidente ré, uma funcionária da cozinha do Alvorada pediu demissão do serviço público.

Fonte do Alvorada explicou que a assessoria de Dilma “exagerou” na pressão, por isso a funcionária reagiu com o pedido de demissão.

São conhecidas as histórias de grosserias de Dilma contra auxiliares, sejam eles ministros, assessores, cabeleireira, segurança ou copeira.

Veja também: 






Cláudio Humberto
Diário do Poder
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...