terça-feira, 9 de agosto de 2016

Mesmo após 12 horas de sessão, senadores dilmistas continuam tentando atrasar os trabalhos


Imagem: Reprodução / TV Senado
Encerrada a fase de discursos dos senadores, quando o presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski, ia passar a palavra à acusação e, posteriormente, à defesa de Dilma, a senadora Vanessa Grazziotin pediu, pela ordem, para interromper os trabalhos e retomá-los amanhã de manhã. A senadora foi apoiada pelo senador Lindbergh Farias. A intervenção ensejou um debate sobre a possibilidade. 

Durante o debate, a senadora Ana Amélia comparou a pausa aos "tempos" pedidos nos esportes para desaquecer a equipe adversária. O senador Cássio Cunha Lima, por sua vez, chamou os senadores dilmistas de "catimbeiros". O ministro Ricardo Lewandowski decidiu interromper a sessão por 30 minutos. 

Leia também: 

 


  

 

Luciana Camargo
Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...