terça-feira, 30 de agosto de 2016

Senadora escancara como a própria Dilma declarou que é incapaz de governar o Brasil; veja


Imagem: Reprodução / TV Senado
Depois de destruir o discurso da presidente afastada Dilma Rousseff no julgamento do impeachment, a senadora Ana Amélia (PP-RS), rebateu a proposta golpista de realização de um plebiscito para novas eleições. Inicialmente defendido por Marina Silva, a proposta agora é defendida com unhas e dentes pela presidente Dilma Rousseff.




Assista: 


Leia também: 
Human Rights Watch desqualifica 'narrativa' petista: impeachment de Dilma não é golpe
Janaína Paschoal chora e faz gesto de grandiosidade impressionante; veja

“Se a presidente é tão capaz de voltar ao mandato e luta para isso, porque pedir um plebiscito? Isso para mim é uma autodeclaração de incapacidade”.

Ana Amélia também afirmou que a narrativa do golpe está cada vez mais fragilizada. Para a senadora, Dilma está abandonada por um partido que tenta sobreviver nas eleições de 2016, e que por isso inventam a narrativa do golpe. Para ela, tudo não passa de invenção de quem muda de postura de acordo com a conveniência. Ana Amélia cita por exemplo, o fato do PT ter pedido impeachment de todos os presidentes antes de Lula. “Será que naquela época não era golpe?”


Veja também: 

 
 

 


Jornalivre
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...