quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Ao revogar prisão de Mantega, Moro deixa petismo completamente sem argumento


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
Ao revogar a ordem de prisão de Guido Mantega, Sérgio Moro deixou o petismo sem assunto. Desde cedo, o PT e seus devotos jogam pedras na Lava Jato por ter prendido o ex-ministro no hospital, privando-o de acompanhar uma cirurgia da mulher gravemente adoentada. Ao reacomodar Mantega na beirada da cama de sua companheira, Moro convida o PT a falar sério.


Em vez de tocar trombone embaixo do seu imenso telhado de vidro, o PT terá de arranjar meia dúzia de desculpas para o fato de o ex-ministro da Fazenda de Lula e Dilma ter sido pilhado no papel de cupido das boas relações do partido com o empresariado provedor de verbas sujas. O PT continua com o trombone. Mas talvez lhe falte sopro para a nova fase do espetáculo, inaugurada por Moro.

Leia também: 

Em seu despacho revogatório, o juiz da Lava Jato anotou que ele, a Procuradoria e a Polícia Federal desconheciam que ''o ex-ministro acompanhava o cônjuge acometido de doença grave em cirurgia.” Esclareceu ter sido informado pela Polícia Federal de que a prisão foi praticada “com toda a discrição, sem ingresso interno no hospital.'' E revogou a ordem, sem prejuízo da busca já realizada no apartamento de Mantega e de providências posteriores.

Rui Falcão, presidente do PT, qualificara a prisão de Mantega de ''uma desumanidade inaceitável.” O companheiro dissera estar “revoltado” com os métodos da Lava Jato, realçando o ''estilo de arbitrariedade e violação de direito''. Coisa ''insuportável''. Num instante em que o PT mirava sua canela, Moro informou que prefere o jogo de xadrez ao futebol de várzea.

O magistrado sinalizou, de resto, que está dois ou três lances à frente dos seus detratores. Ao despir-se do figurino de monstro que o PT tenta lhe impor, Moro transforma Mantega em candidato a delator. Um delator especial, que pode acomodar a Lava Jato definitivamente no colo de Dilma Rousseff.

Veja também: 

 




Josias de Souza
Blog do Josias
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...