sábado, 22 de outubro de 2016

Se grampos dos policiais do Senado forem confirmados, Renan pode perder o mandato


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
Preso nesta sexta-feira (21) pela Polícia Federal, o diretor da Polícia Legislativa do Senado, Pedro Ricardo Araújo de Carvalho, é tido como homem de confiança do presidente do Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL). Carvalho ingressou na Polícia do Senado em 1993, recebe um salário de R$ 33 mil (sem descontos) e comandava 161 policiais. Entre as acusações que pesam sobre ele estaria a suspeita de que estava operando grampos dentro do Congresso.


Leia também: 


Nos bastidores, especula-se que Renan, que defendeu a conduta de seu afilhado,  possa até perder o mandato e consequentemente o foro privilegiado, caindo nas mãos do juiz Sergio Moro. De qualquer forma, fica claro que a situação vai deixar muito tensa a relação dos senadores que suspeitam ser alvo dos grampos com Renan Calheiros.

Renan  informou em nota que já acionou advogados. Ele  disse ainda que os policiais atuaram dentro da legalidade.  “Convém reiterar que Polícia Legislativa exerce suas atividades dentro do que preceitua a Constituição, as normas legais e o regulamento administrativo do Senado Federal.”

Segundo as investigações, os servidores do Senado são suspeitos de localizar e destruir escutas telefônicas autorizadas pelo STF (Supremo Tribunal Federal) na casa de senadores. A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) admitiu ter solicitado varredura em suas residências em Brasília e Curitiba.

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, considerou grave o caso. “Foi uma operação instrumental, em relação a condutas que, em tese, estariam obstruindo a Operação Lava-Jato. As investigações levaram à conclusão de que alguns servidores da polícia do Senado Federal realizaram uma série de atividades direcionadas à obstrução da justiça. Em tese, extrapolaram o que seria de sua competência.”

Veja também:

 


 
 

República de Curitiba
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...