segunda-feira, 28 de novembro de 2016

MPF investiga se EBX contratou escritório da mulher de Cabral em troca do Maracanã


Imagem: Marcelo Carnaval / Ag. O Globo
Os pagamentos da EBX ao escritório de Adriana Ancelmo, revelados agora na Calicute, têm uma peculiaridade. De acordo com as investigações dos procuradores, não há qualquer serviço jurídico prestado pela ex-primeira-dama.


O MPF trabalha com a informação de que os recursos estão relacionados à vitória do consórcio Odebrecht/IMX na licitação do Maracanã. Ou, mais precisamente, à parte que cabia à IMX no bolo total do consórcio, ou seja, 5%. Lauro Jardim

Leia também: 
Pelo menos 10 senadores se beneficiam de supersalários
Marcos Valério pretende fechar delação premiada em dezembro
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...