domingo, 11 de dezembro de 2016

STF volta a falar de aposentadoria de Celso de Mello


Imagem: Reprodução / DP
Voltam a circular no Supremo Tribunal Federal (STF) fortes rumores sobre a eventual antecipação da aposentadoria do decano Celso de Mello, no cargo há 27 anos. No STF, considera-se a hipótese de o ministro não retornar das férias, que gosta de passar em Tatuí (SP), sua cidade natal. Ele foi nomeado ministro do STF em agosto de 1989. A informação é da coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Leia também: 
Odebrecht pagou R$ 350 mil a antigo braço-direito de Dilma, diz delator

O ministro Celso de Mello, segundo fontes do STF, planeja voltar a viver em sua Tatuí. A “cidade ternura” fica a 137km de São Paulo.

Caso resolva aguardar a data-limite, Celso de Mello permanecerá no STF até 1º de novembro de 2020, quando completará 75 anos.

Se Celso de Mello antecipar a aposentadoria, Marco Aurélio assumirá o posto de decano do Supremo, onde é ministro há 26 anos.

Veja também: 


 




Cláudio Humberto
Diário do Poder
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...