quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Livro de Geografia recomendado pelo MEC faz defesa do bloco bolivariano


Imagem: Marcelino Vazquez / AFP
O livro recomendado pelo MEC para o 8º ano da coleção "Geografia Cidadã" faz uma defesa explícita da Alba — a notória Aliança Bolivariana para os Povos da Nossa América.


Foi, claro, um livro aprovado pelo MEC sob Dilma Rousseff, mas está valendo sob Michel Temer.

Leia também:
Trump: “Quem assassinar policial receberá pena de morte”

Após um texto de explicação sobre o bloco sediado em Caracas (onde mais?), o aluno deve escrever como resposta correta que a "A Alba é um bloco econômico criado na América Latina com o objetivo de reduzir a exclusão social e a pobreza por meio da cooperação entre os países-membros. Além disso, a Alba faz parte de um intenso movimento anti-imperialista que luta pela quebra da hegemonia estadunidense na América e no mundo".



A mesma edição faz também uma defesa do Mais Médicos, programa lançado no governo da "presidenta" Dilma Rousseff, como diz o texto.

Leia também: 

Ali, os alunos lerão, por exemplo, um texto retirado do site do Ministério da Saúde. Eis um trecho:

"O governo federal garantirá mais médicos para o Brasil e mais saúde para você."

Na "proposta pedagógica", incluída na edição do professor, há a sugestão para que os alunos debatam a questão da saúde no Brasil, nos seguintes termos:

"A questão do 'Programa Mais Médicos' deve permitir aos alunos desvendar os principais problemas enfrentados pela política pública atualmente na garantia desse direito. Além disso, é necessário que eles reflitam sobre os preconceitos arraigados na sociedade e a questão ética implícita nos discursos que deslegitimam as ações do programa, e principalmente, condenam os médicos cubanos e os rotulam como 'escravos', 'malformados', 'comunistas', entre outros".

Veja também: 

 




Bruno Góes
O Globo
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...