terça-feira, 21 de março de 2017

Gilmar Mendes diz que PGR vazou delações da Odebrecht e levanta possibilidade de anular provas.


Imagem: Nelson Jr. / STF
O ministro Gilmar Mendes disse, em sessão de Turma do STF, que a Procuradoria-Geral da República vazou indevidamente informações das delações da Odebrecht. E levantou a possibilidade de anular provas. Para Gilmar Mendes, a PGR cometeu crime ao vazar informações da delação da Odebrecht em "entrevista coletiva em off". Essa suposta entrevista foi mencionada pela ombudsman da Folha de S. Paulo há poucos dias. As informações são do site jurídico Jota. 

Assista: 




Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...