quinta-feira, 2 de março de 2017

Mais bomba! Braskem pagou para ter Lula e Dilma


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
Em seu depoimento ao relator do processo de cassação da chapa Dilma-Temer no TSE, Marcelo Odebrecht teria admitido que parte do dinheiro utilizado na campanha de Dilma em 2014 vinha da venda de uma Medida Provisória à Braskem. A MP 470 foi editada em 2009 pelo ex-presidente Lula, e teria custado R$ 50 milhões à empresa. O dinheiro foi utilizado para a reeleição de Dilma. A revelação complica Dilma e Mantega, mas complica ainda mais a situação de Lula, Antonio Palocci e Gilberto Carvalho.


Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...