quinta-feira, 20 de abril de 2017

GM paralisa produção na Venezuela após ter sua fábrica confiscada


Imagem: Bill Pugliano / Getty Images
A General Motors anunciou nesta quarta-feira a paralisação de suas operações na Venezuela depois que autoridades do país confiscaram uma unidade da montadora no centro industrial de Valencia. A empresa prometeu “tomar todas as ações legais” para defender seus direitos.


Acesse 6 documentários completamente gratuitos explicando como o PT tentou implantar uma agenda totalitária no país com ajuda de ditaduras aliadas e como foi impedido pela população

A decisão foi tomada em meio a uma crise econômica cada vez mais grave na Venezuela, que já afetou diversas empresas americanas, “Ontem a fábrica da GMV foi inesperadamente tomada pelas autoridades públicas, impedindo as operações normais. Além disso, outros ativos da companhia, como veículos, foram retirados ilegalmente de suas instalações”, disse a General Motors Venezuelana (GMV), unidade da GM, em um comunicado enviado por email.

A indústria automobilística venezuelana sofre com a falta de matéria-prima devido a complexos controles monetários e uma produção local estancada, e muitas fábricas apenas podem manufaturar.

Leia também: 
'Lula e o PT morreram. É hora de enterrar a ideia que eles representam', diz advogado
Estudante cubana é expulsa da universidade pelos colegas por não concordar com comunismo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...