sábado, 13 de maio de 2017

Juristas dizem que Cardozo cometeu crime ao informar Dilma sobre operações da PF


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A marqueteira Mônica Moura, em sua delação, relata que foi avisada por Dilma de que seria presa e que Dilma, por sua vez, era informada pelo ex-ministro da Justiça e ex-advogado de Dilma, José Eduardo Cardozo. Cardozo confirma que informou Dilma, mas afirma que o fez por "dever de ofício". 



A jurista Janaína Paschoal ironizou a resposta de Cardozo: "Gostaria de saber qual norma determina (ou autoriza) o Ministro da Justiça a informar à Presidente alvos de uma operação policial". A procuradora Thaméa Danelon esclarece: "Sabemos que não há nenhuma. Ao contrário,  essa conduta é tipificada, no mínimo,  como Crime de Violação de Sigilo Funcional". A frase de Thaméa Danelon foi confirmada pelo procurador Júlio Marcelo de Oliveira. 

Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...