quarta-feira, 3 de maio de 2017

'O país perde', diz investigador sobre saída de Dirceu da prisão


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
O procurador Januário Paludo, colaborador da força-tarefa da Lava Jato, afirmou ao Blog de Matheus Leitão que o país perde com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de soltar o ex-ministro José Dirceu, preso desde 2015. 





"Quando as pessoas têm consciência de seu papel e que poderiam promover mudanças fundamentais, entre as quais fazer cessar o ciclo histórico e crônico de impunidade e não o fazem, perde o país, destruindo a esperança da sociedade e estimulando a continuidade de velhas práticas criminosas", desabafou. 

Descrito por colegas do Ministério Público Federal como brilhante investigador, Januário Paludo foi integrante da equipe que investigou os crimes de corrupção da Petrobras e hoje é apresentado como colaborador da Operação no site da Procuradoria do Paraná.

Leia também: 

"É possível que daqui a algum tempo estejamos investigando crimes hoje praticados, por que se perdeu a chance histórica de cessar o ciclo criminoso, com a resposta adequada, que era a manutenção do encarceramento", completa Januário.

O procurador diz só ter a "lamentar" a saída de Dirceu da prisão. Na sua visão, apesar da decisão da segunda turma do STF de soltar José Dirceu, ela não representa a vontade da maioria da corte.

Veja também: 






Matheus Leitão 
G1
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...