quinta-feira, 25 de maio de 2017

OAB protocola pedido de impeachment de Temer na Câmara


Imagem: Beto Barata / PR
A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) protocolou nesta quinta-feira, 25, na Câmara dos Deputados, o pedido de impeachment do presidente Michel Temer. Com base em informações da delação dos executivos da JBS, a OAB entendeu que Temer cometeu crime de responsabilidade e, por isso, deve ser condenado à perda do mandato e se tornar inelegível por um período de oito anos.



"O pedido da OAB leva em consideração as manifestações do presidente da República, que em dois momentos, em rede nacional de televisão, declara textualmente conhecimento com relação a todos os fatos. O presidente declara que escutou desse empresário, que ele nominou como fanfarrão e delinquente, todos aqueles crimes e nada fez com relação ao que escutou", disse o presidente da OAB, Claudio Lamachia, ao chegar à Câmara.

Leia também:  

A OAB ressalta ainda que o presidente incorreu no crime de omissão ao ouvir – sem tomar nenhuma atitude – o dono da JBS, Joesley Batista, dizer que estava comprando juízes e um procurador e pagando pelo silêncio do deputado cassado Eduardo Cunha e do operador Lúcio Funaro. A conversa foi gravada por Joesley em um encontro fora da agenda oficial com Temer no Palácio do Jaburu, na noite do dia 7 de março.

Este é o 17º pedido de impeachment contra Temer e o 13º desde que vieram a público as revelações de Batista em acordo de delação premiada.

Veja também: 




Diário do Poder
Editado por Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...