quinta-feira, 11 de maio de 2017

Policiais federais vão processar Lula por denunciação caluniosa


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) vai processar o ex-presidente Lula por denunciação caluniosa, por ter acusado policiais de "plantar" provas em seu apartamento durante uma busca e apreensão. 




Luís Boudens, presidente nacional da Fenapef, deu uma entrevista ao blog do jornalista Cláudio Tognolli e explicou: 

“Atribuir a inserção  de provas dentro do local de busca é uma afronta à Polícia Federal. É uma alegação absurda. Isso não foi uma estratégia de defesa de Lula, é puro desespero. Lula na verdade ficou surpreso ao ver aquele documento. Temos a regra processual, mas o direito penal não salva Lula desse tipo de prova. Ela seguiu pelo rito processual penal, desmerecer e desacreditar as provas trazidas por agentes públicos. Lula foi pego de surpresa pelo documento exibido por Moro. Ele reagiu de pronto, não pode ter uma reação calculada ou ensaiada. Não vamos permitir que essa alegação de Lula gere efeitos processos administrativos contra os colegas federais ofendidos. A fala de Lula vai gerar consequências. Ele fez uma denunciação caluniosa contra a PF. Vamos esperar os efeitos do judiciário em resposta ao que Lula alegou. A fala dele exige uma reação, foi uma afronta à PF jamais ocorrida durante toda a Lava Jato”.

Leia também: 
Gilmar Mendes ataca ministro do STF que se declarou impedido e o chama de 'velhaco' e 'vil'
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...