quinta-feira, 1 de junho de 2017

Justiça bloqueia R$ 800 milhões de Joesley por venda de dólares


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A Justiça Federal de São Paulo determinou por meio de liminar o bloqueio de 800 milhões de reais das contas de Joesley Batista, dono do grupo J&F, que controla entre outras empresas a produtora de carnes JBS. O confisco do valor se refere ao suposto lucro obtido pela companhia com a compra e venda de dólares às vésperas da divulgação do explosivo teor da delação premiada firmada com a Procuradoria-Geral da República. A decisão foi proferida pelo juiz Tiago Bitencourt de David, da 5ª Vara Federal Cível,  em uma ação popular movida por dois cidadãos.




“A compra de dólares na véspera do vazamento da delação premiada, por outro lado, nunca foi esclarecida e o fato tanto é verossímil que a CVM (Comissão de Valores Mobiliários) está apurando o ocorrido. Soma-se a isso, ainda, movimentos de venda e compra de ações da JBS antes e após a vinda a público da existência da colaboração e da conversa com o presidente da República”, escreveu o magistrado, que viu na ação da empresa “algum risco ao erário e à ordem econômica”.

Leia também:
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...