quinta-feira, 6 de julho de 2017

A PF não tem dinheiro, a força-tarefa deixou de existir, mas Temer libera verbas à vontade para salvar seu mandato, diz procurador


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
O procurador Carlos Fernando dos Santos Lima, da força-tarefa da Lava Jato,  criticou os esforços do presidente Michel Temer para salvar seu mandato, liberando um número recorde de emendas parlamentares para garantir votos na Câmara, impedindo a aceitação da denúncia. Lima lembrou que, enquanto Temer libera essas verbas, corta recursos para a Polícia Federal, ao ponto de interromper a emissão de passaportes, as atividades da Polícia Rodoviária, e até mesmo fechar a força-tarefa da Lava Jato: "A Polícia Federal não tem mais dinheiro para passaporte. A Força-tarefa da Polícia Federal na operação Lava Jato deixou de existir. Não há verbas para trazer delegados. Mas para salvar o seu mandato, Temer libera verbas à vontade".



Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...