domingo, 9 de julho de 2017

'A prioridade em Brasília é tirar dinheiro da Lava Jato e gastar na campanha', ataca economista Ricardo Amorim


Imagem: Produção Ilustrativa / Política na Rede
O economista Ricardo Amorim fez um triste diagnóstico sobre as opções dos parlamentares, da Polícia Federal, e do Executivo: "A prioridade em Brasília é tirar dinheiro da Lava Jato e gastar na campanha". Amorim questionou: "Se depender dos políticos, eles mesmos terão mais dinheiro e a Lava-Jato menos. Você está de acordo?".



Leia abaixo o texto de Ricardo Amorim: 

As prioridades no Brasil estão erradas. De um lado, o governo tirou dinheiro da Polícia Federal, que anunciou agora que a força-tarefa da Lava Jato do Paraná deixou de funcionar. Ao mesmo tempo, os políticos querem fazer uma reforma política que vai levar bilhões para seus bolsos. A prioridade virou dar dinheiro para os políticos e tirar recursos do combate à corrupção. Para mudar isso, só a pressão da população.

Leia também:
Lula diz que o PT está sendo 'massacrado' desde 2005
'Para a Lava Jato recuperar mais bilhões e processar mais corruptos, a sociedade precisa garantir a continuidade do seu trabalho', afirma Deltan Dallagnol
Janaína Paschoal culpa o TSE pelo caos enfrentado no país: 'Tivesse o TSE seguido a lei e considerado as provas, o Brasil não estaria sofrendo novamente! O processo de depuração vai seguir!'
'Quem defende corrupto é corno. Não vê q ele tá f**** com tua vida?', atesta jornalista
Lilian Witte Fibe aponta que Temer e Gilmar Mendes usaram mesmo termo 'incomum' para ataques à Procuradoria e questiona: 'Será coincidência?"
Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...