terça-feira, 11 de julho de 2017

Impedido de conduzir a sessão, presidente do Senado convoca reunião em seu gabinete


Imagem: Reprodução / TV Senado

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), convocou uma reunião no gabinete da Presidência com diversos senadores e líderes para tratar da retomada da sessão de votação da reforma trabalhista nesta terça-feira (11). Mais cedo, ele suspendeu a sessão em meio a um impasse com senadores de oposição que ocuparam a Mesa Diretora da Casa.


Cerca de uma hora depois de a senadora Fátima Bezerra (PT-RN) ter aberto a sessão para pronunciamentos na tribuna, Eunício suspendeu os trabalhos após ser impedido de sentar na cadeira da presidência da Casa.

Além de Fátima Bezerra, as também opositoras Gleisi Hoffman (PT-PR) e Vanessa Grazziottin (PCdoB-AM) ocupavam a Mesa Diretora do Senado no momento da suspensão da sessão.

Por volta do meio-dia, o plenário já contava com 46 senadores presentes e a reforma já podia ser votada, mas o tumulto causado pelo protesto de oposicionistas impediu o prosseguimento da sessão. Ao anunciar a suspensão, Eunício recebeu apoio de senadores governistas e reação negativa dos parlamentares da oposição.

Leia também:
Sem coragem de impor ordem no Senado, Eunício Oliveira pensa em votar em outro auditório

Eunício ordenou inclusive o desligamento das luzes do plenário enquanto as senadoras não deixarem a Mesa. 


Veja também: 
 
 


UOL
Editado por Folha Política 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...