quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Gilmar Mendes fala de central ilegal de escutas da PGR


Imagem: Carlos Moura / STF
Em sessão ontem no STF, o ministro Gilmar Mendes levantou suspeitas sobre a existência de uma central ilegal de escutas que estaria a serviço da PGR.



O ministro chegou a falar no nome de Wilton Queiroz, um ex-delegado que hoje seria promotor e comandaria essa central, localizada no Lago Paranoá.

Há algumas semanas, o Radar publicou a história de que Mendes comunicou ao Ministério Público do Distrito Federal a existência dessa central e que sua mulher, Guiomar Mendes, teria sido gravada ilegalmente.

Leia também: 
Joesley presta depoimento na PF de São Paulo
Álvaro Dias se rebela após Temer anunciar que aumentará imposto de renda para até 35%: 'Cortar na carne, nem pensar, não é mesmo?'
Sem punição, transparência pode dificultar a redução da corrupção, diz pesquisador
Pedro Corrêa relata ligação de Lula a diretor da Petrobrás por propinas ao PP
Nova PGR diz que encontrou Temer às 22h de terça para discutir data da posse
Senadora Ana Amélia expõe como desembargador destruiu argumentos petistas e endossou Moro, prisão se aproxima; veja vídeo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...