sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Trump se recusa a falar com Maduro: 'terei prazer em falar com o líder da Venezuela quando a democracia for restaurada'


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recusou o pedido do ditador Nicolás Maduro, que pediu um telefonema. A Casa Branca emitiu uma nota em que afirma que "desde o início de seu mandato, o presidente Trump vem pedindo que Maduro respeite a Constituição da Venezuela, realize eleições livres e justas, liberte os prisioneiros políticos, cesse as violações aos Direitos Humanos, e pare de oprimir o povo venezuelano".



A nota segue: "O regime de Maduro recusou-se a atender a esse pedido, que ecoou  na região e no mundo. Ao contrário, Maduro escolheu o caminho da ditadura. Os Estados Unidos se posicionam ao lado do povo da Venezuela, face à contínua opressão pelo regime de Maduro. O presidente Trump terá prazer em falar com o líder da Venezuela quando a democracia for restaurada no país". 

Veja o comunicado: 

Leia também:
Trump considera ação militar na Venezuela
Em vez de valorizarem o debate de ideias, fizeram o inverso, com o fundo partidário de R$ 3,6 bilhões, acusa Deltan Dallagnol
Reportagem de capa da Revista Istoé humilha e acaba de vez com Gleisi Hoffmann
Governo do Peru expulsa embaixador da Venezuela
Após 'ovada', Doria participa de ação que distribui omelete a moradores de rua
Planilha liga empréstimos da Caixa a políticos do PMDB, PT e PSC
Funaro retorna ao Complexo Penitenciário da Papuda
Primeiro delator da Zelotes admite que recebia R$ 10 mil por mês para fraudar julgamentos do Carf

Veja também:




Correio do Poder
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...