domingo, 10 de setembro de 2017

Procuradoria diz que Janot 'frequenta rotineiramente' o boteco onde foi visto com advogado de Joesley


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A Procuradoria-Geral da República informou em nota enviada neste domingo (10) que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o advogado Pierpaolo Bottini, que defende o empresário Joesley Batista, do grupo J&F, não trataram de assuntos profissionais durante encontro em um boteco de Brasília.



No último sábado (9), Janot e Pierpaolo foram flagrados numa mesa de bar em Brasília, conforme divulgado no site O Antagonista. Os dois teriam conversado por 20 minutos. Ao site, o advogado afirmou que se tratou de um "encontro casual". 

Leia também: 
'Palocci agora tem que tomar cuidado para não ser deletado, como Celso Daniel', diz Roberto Jefferson
Joesley chorou ao chegar na cela da superintendência da PF
Imagem de Joesley prestes a ser preso em São Paulo faz sucesso na internet
URGENTE: Joesley e Saud são presos em São Paulo
Organização criminosa começou com eleição de Lula, diz Janot
Joesley e Saud se entregam na sede da Polícia Federal

 Confira abaixo a integra da nota da PGR:

“Acerca da nota publicada pelo site O Antagonista, a Procuradoria-Geral da República esclarece que o procurador-geral da República frequenta o local rotineiramente. Não foi tratado qualquer assunto de natureza profissional, apenas amenidades que a boa educação e cordialidade prezam entre duas pessoas que se conhecem por atuarem na área jurídica.” 


Veja também:






 
 

Rafael Moraes Moura e Luiz Vassallo
O Estado de S.  Paulo
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...