segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Advogada é agredida por companheiro beneficiado por 'saidão' do Dia das Crianças


Imagem: Divulgação / Polícia Civil
Uma advogada de 35 anos sofreu traumatismo craniano e está internada em estado grave após levar um soco do companheiro na madrugada deste domingo (15) na saída de uma casa noturna em Lorena (SP). Ele foi preso e alegou que estava bêbado.


O homem, que cumpre pena por extorsão e roubo e foi beneficiado por saída temporária de Dia das Crianças, confessou o crime e está preso. Ele havia progredido ao regime semiaberto em julho e essa tinha sido a primeira vez que deixou a penitenciária. A advogada agredida o defende no processo. A família da vítima disse desconhecer que eles tinham um relacionamento.

Leia também: 

De acordo com a Polícia Civil, os dois teriam ido a uma casa noturna e na saída do estabelecimento se desentenderam. No depoimento, ele disse que o motivo da briga foi ciúmes.

Durante a discussão, ele deu um soco na cabeça da vítima. Ela foi sozinha até o pronto-socorro de Lorena, mas enquanto aguardava um raio-X, o homem, de 23 anos, apareceu e eles foram embora.

No caminho para a casa da advogada em Guaratinguetá, ela teve fortes dores na cabeça e começou a passar mal. O namorado a levou para o hospital Frei Galvão e se escondeu na casa de uma tia.

"A advogada chegou em estado grave e está internada em coma. Se tivesse sido atendida no pronto-socorro já teria recebido atendimento na hora e poderia estar melhor", afirmou o delegado Eduardo Luiz Cabette.

O hospital acionou a Polícia Militar que conseguiu localizar e prender o suspeito. Ele foi levado para a delegacia, onde confessou o crime e foi preso por tentativa de feminicídio.

Ainda segundo a polícia, o jovem será levado de volta para a P2 em Potim, onde cumpre pena desde 2014, e deverá regredir de regime.

Veja também:






G1
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...