domingo, 22 de outubro de 2017

Imprensa mente e promove a cultura do estupro para defender Caetano, acusa promotor


Imagem: Produção Ilustrativa / Correio do Poder
O procurador Ailton Benedito criticou matéria do grupo UOL/Folha que defendeu que, antes de 2009, manter relações com menores de 14 anos não era estupro. O promotor explica que o Código Penal de 1940 já tipificava como estupro o sexo com menores de 14 anos: "Os artistas fingem não saber, mas adulto praticar sexo com menor de 14 anos era estupro pelo Código Penal de 1940 (arts. 213 e 224)". E acrescenta: "As Fake News promovem cultura do estupro, mentindo que os arts. 213 e 224 do Código Penal e 1940 não se aplicavam a artistas globais".


Leia também: 

Veja também:






Correio do Poder
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...