terça-feira, 28 de novembro de 2017

'Bolsonaro é o voto que revela maior racionalidade', diz Janaína Paschoal


Imagem: Produção Ilustrativa / Gazeta Social
A jurista Janaína Paschoal apontou a importância de se enfrentar a criminalidade para garantir os outros direitos da população, e notou que os pré-candidatos à Presidência evitam tratar do tema. Para Janaína Paschoal, o deputado Jair Bolsonaro é a exceção: "ele é o único que tem coragem de tocar nesse ponto sensível. Os outros parecem viver em outro país, chega a ser cômico". 


Leia abaixo o texto de Janaína Paschoal: 

Ola, Amados! Acabo de compartilhar com vocês importante matéria publicada na Folha de São Paulo. Trata-se de relato sobre o pânico que profissionais de saúde e pacientes vivenciam em meio à guerra instalada no Rio de Janeiro.
Já há um bom tempo, eu venho compartilhando textos que mostram que as crianças no Rio já não conseguem estudar, chegando a perder exames importantes, em função dessa guerra não reconhecida pelas autoridades.
Leia também: 

A matéria de hoje destaca situação igualmente grave relativamente à saúde. Percebem que, nesse contexto, perde o sentido discutir política educacional e política de saúde? A política pode ser excelente, mas de nada vale se a violência não permitir que seja implementada.
Óbvio que o Brasil é um país cheio de problemas na saúde, na educação, no saneamento básico. No entanto, hoje, seu principal problema é o crime, em todas as suas faces. O enfrentamento do crime passa por melhoras sociais? Claro! Mas as melhoras sociais não são suficientes!
Com isso não estou dizendo que as propostas de Bolsonaro para a segurança pública sejam perfeitas, mas ele é o único que tem coragem de tocar nesse ponto sensível. Os outros parecem viver em outro país, chega a ser cômico.
Ademais, em suas manifestações, ainda que não seja da área jurídica, Bolsonaro parece perceber que a violência está diretamente relacionada à corrupção. Salvo melhor juízo, ele não mostrou condescendência relativamente a nenhum dos evolvidos nos últimos escândalos.
Os outros presidenciáveis, ao contrário, ou defendem os corruptos a depender da legenda, ou ficam omissos. Esquecem que estão sendo observados.
Bolsonaro vem sendo tratado como um fenômeno. Desculpem, os analistas que dizem e escrevem isso não entendem nada de voto, ou não entendem nada de gente. Dadas as opções e a realidade posta, Bolsonaro é o voto que revela maior racionalidade.
Estou declarando apoio a Bolsonaro? Não, ainda é cedo para fechar questão com quem quer que seja. Tenho conversado com pessoas de muitos partidos. Estou apenas tornando público o que venho falando particularmente. Antes da Economia, as pessoas se preocupam com a VIDA. Simples assim!

Veja também:





Gazeta Social
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...