quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

'A prisão de qualquer condenado em segundo grau é fato absolutamente normal', diz procurador Júlio Marcelo


Imagem: Produção Ilustrativa / Gazeta Social
O procurador Júlio Marcelo de Oliveira defendeu a prisão após condenação em segunda instância e o fim da impunidade: "A prisão de qualquer condenado em segundo grau é fato absolutamente normal, necessário para a efetividade da justiça e saudável para a sociedade. As democracias mais avançadas do mundo prendem após 1ª ou 2ª instância. Basta de impunidade".


Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...