segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

Gleisi delira e vê apoio ao PT em música que fala de 'perda total'


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR) cometeu uma gafe nesse sábado ao twitar notícia sobre o encontro do cantor Léo Santana e o governador da Bahia, Rui Costa dos Santos (PT) no circuito Omar (Campo Grande) na quinta-feira, primeiro dia de carnaval em Salvador. “Reconhecimento da boa administração do governo do PT na Bahia...”, tuitou a petista com o link para o site bahia.ba.


Veja o tweet da senadora: 



No site, o encontro é anunciado com o título: “Léo Santana puxa “Vai dar PT” após cumprimentar Rui (Costa) no Campo Grande”. O site diz, ainda, que, “durante o encontro, o pagodeiro também convidou o governador petista para subir ao trio”. Embora a presidente do PT tenha pego carona no título da música, a letra não faz nenhuma alusão ou referência ao Partido dos Trabalhadores.

Leia também: 
Delegados pressionam associação a pedir demissão de Segovia do comando da PF

Na letra, o cantor fala de uma moça de 18 anos que vai para um baile “a fim de se envolver”. “Foi pro baile muito louca/ A fim de se envolver/ Ela só tem 18 anos/ O que vai acontecer? Cer, cer, o que vai acontecer?”, pergunta o pagodeiro para logo em seguida afirmar: “Vai dar PT, vai dar/ Vai dar PT, vai dar”. Na gíria, o PT da música está associado ao fato de uma pessoa ficar muito bêbada a ponto de cair, vomitar, em referência a "perda total". “Misturou tequila, whisky, vodka/ E a mina vai embrazar”, prossegue a música. “Ela vai dar PT, vai dar” finaliza a letra.

No encontro, segundo o site bahia.ba, Léo Santana teria convidado o governador para subir no trio elétrico independente que arrastou milhares de foliões em Campo Grande. Rui Costa retribuiu a saudação, mas não aceitou o convite para estar no trio de Léo Santana. O petista não se deixou seduzir pelo hit “Vai dar PT” do pagodeiro baiano e permaneceu no camarote do governo. Vai dar PT também é vai dar perda total.

Veja também: 







EM
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...