terça-feira, 17 de abril de 2018

Assembleia Nacional da Venezuela autoriza início de processo criminal contra o ditador Nicolás Maduro


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A Assembleia Nacional da Venezuela (AN), que tem maioria de opositores ao ditador Nicolás Maduro, aprovou nesta tarde o início de um processo criminal contra o ditador, por envolvimento nos escândalos de corrupção que envolvem a construtora Odebrecht. 

Leia também: 

Por maioria de 105 votos a 2, os deputados declararam que "existe mérito suficiente para continuar o processo judicial por corrupção". 

O ditador foi denunciado pela ex-procuradora-geral, Luisa Ortega, que se encontra exilada, ao Supremo Tribunal no exílio.  A ex-procuradora exilada apresentou provas da participação de Maduro no escândalo da Odebrecht, como o financiamento da campanha de Hugo Chávez com caixa 2. 

Veja também:





Política na Rede 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...