sábado, 25 de agosto de 2018

Comerciante reage a assalto, atira e acaba preso por porte ilegal de arma


Revólver apreendido com o comerciante dono do bar assaltado
Imagem: Redação do Rede Policial / Arquivo
Um comerciante de São José dos Campos foi preso por porte ilegal de arma depois de ser vítima de dois assaltantes em um bar no Jardim Morumbi. A vítima teve dinheiro e pertences roubados. Ele contou que atirou para o alto para afugentar os criminosos e acabou preso quando a PM chegou para atender a ocorrência. Os assaltantes fugiram.

O crime foi na noite desta quinta-feira (23) por volta de 22h. A polícia foi acionada por vizinhos que perceberam o assalto na rua Olímpio de Lima. A dupla de criminosos estava armada e fugiu após a reação do dono do bar.

Leia também: 
Alvaro Dias faz piada com defeito em avião: 'já pensou você anunciando: candidato explode no ar antes de chegar em Uberlândia?'

Quando os PMs chegaram ao local do crime, o dono Jaime Cardoso de Carvalho, de 53 anos, foi encontrado com uma arma em punho em frente ao estabelecimento. Era um revólver calibre 38, sem registro, municiada e com a numeração raspada.

"Ganhei há dois anos esse revólver de um cliente que voltou para o Nordeste e até então eu nunca tinha usado, estava até escondido perto da caixa dágua, no telhado de casa. Como teve uma onda recente de assaltos aqui no bairro, achei melhor deixar ao alcance para alguma situação de risco", contou Jaime ao G1. Ele disse que atirou para o alto para espantar os ladrões e que não tinha o objetivo de ferir ninguém.

O comerciante, que atua como servidor público no poliesportivo do Vale do Sol durante o dia, e depois trabalha no bar até a noite, reconhece que errou, mas lamenta que apenas ele tenha sido preso.

"Os policiais cumpriram a função deles, eu estava fora da lei e agi num ato de desespero, tenho que responder por isso. O que me chateia é que só eu fui preso, passei a noite na cadeia e os bandidos soltos", disse.

Jaime foi solto na manhã desta sexta (24) depois de uma audiência de custódia. Ele vai responder em liberdade por porte ilegal de arma e disparo de arma de fogo. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Veja também:




G1
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...