sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Delegado desabafa e empareda mídia sobre atentado contra Bolsonaro: 'E se fosse estupro contra a Maria do Rosário?'


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O deputado Delegado Francischini, que acompanha as investigações da tentativa de assassinato do candidato Jair Bolsonaro, desabafou após ser criticado por pedir à Justiça que proíba uma entrevista com o homem que esfaqueou o candidato. Para Francischini, "não aceitamos esse tipo de coisa e vamos entrar quantas vezes for necessário na Justiça. Agora, pense comigo: se a tentativa de crime fosse uma tentativa de estupro contra Maria do Rosário? Alguém de esquerda? Tentariam entrevistar o criminoso?". 


Assista: 


Leia também: 
Forças Armadas vão garantir resultado das urnas, diz ministro da Defesa
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...